13/jun/18Calendário 15/jun/18


Atenas / Volos - 14/jun/18 (75 fotos)Mais fotos:ÁlbumSlide show

Montanhas da Tessália - Atenas-VolosNão deu vontade de comer nada antes de sair e às 7:30 já havia entregado a chave na recepção e começava a caminhada de três quilômetros até a estação rodoviária. Apesar das nuvens do fim da tarde de ontem o sol continuava brilhando e levei 30 minutos para percorrer o trecho a pé. Passei na bilheteria para me certificar de que Volos seria a parada final e iniciei a espera de 45 minutos nas cadeiras do exterior, ao lado da plataforma de embarque. Não aguentei o cheiro dos fumantes e voltei para o interior da geladeira. Também não suporteAvenida do porto - Volosi muito bem o frio e retornei para fora para analisar os veículos e destinos. O motorista saiu com cinco minutos de atraso, depois de uma confusão causada por uma velha que queria sentar na primeira fileira e, aparentemente, não tinha bilhete. Os lugares são numerados e como comprei o meu com muita antecedência fiquei na primeira poltrona logo depois da porta dianteira. Não é minha escolha preferida mas seria mais complicado tentar mudar. Os bancos não estavam completamente cheios mas havia boa lotação. O assento vizinho ficou vago e pMar agitado - Volosude acomodar a mochilinha nele. A vantagem da posição foi que pude apreciar toda o trajeto pelo amplo vidro frontal panorâmico. Às 11:00 h o motorista fez uma parada de 20 minutos num restaurante de beira de estrada para espantar o sono, após o que o roteiro prosseguiu por mais duas horas. A moderna rodovia propiciou uma ótima viagem e calculo, pelo número de cabines de pedágio, que o motorista de um carro de passeio deve desembolsar perto de € 20,00 para completar o trajeto. Não soa muito barato num trecho de 320 km. Acho que vou ter Parque Anávros - Volosbons motivos para reclamar do tempo nos próximos dias. Não só pela quantidade de nuvens mas, especialmente, por sua cor escura. Assim que desci do ônibus segui para as bilheterias para tentar comprar o próximo trecho rodoviário marcado para o início de julho. Essa providência me garantiu a manutenção do programa conforme planejado. A caminhada para o hotel foi de somente 800 metros o que, junto com a proximidade da estação marítima, foi a razão principal por ter feito esta opção. Depois de me instalar no quarto amplo e arejado, pegandoMuseu Arqueológico - Volos o mínimo de itens na bagagem para passar apenas um dia na cidade, comecei a me dedicar à segunda tarefa importante. Volos fica na região da Tessália e serve de ponto de partida para travessias para as duas primeiras ilhas que estavam no meu itinerário. Já havia comprado as passagens necessárias em São Paulo pela internet, no entanto estava na dúvida se precisaria ter alguma coisa impressa. Saí do hotel para atravessar a avenida e entrar no terminal marítimo, onde havia enxergado um quiosque da companhia de navegação. Contudo ele estavParque São Constantino - Volosa fechado. Voltei para a calçada edificada e procurei alguma informação numa agência de viagem. Como imaginava precisava de cartões de embarque, que poderiam ser obtidos no escritório da empresa alguns metros à frente. De posse dos três documentos iniciei a exploração da simpática cidade balneária. Um belo calçadão segue paralelo à orla por alguns quilômetros, passando por parques e algumas praias centrais. Depois de percorrer o Parque São Constantino, no final do qual fica a igreja do santo, continuei para o Parque Anávros, que terminCatedral de São Nicolau - Volosa na praia de mesmo nome e serve de entrada para o Museu Arqueológico. Retornei pelas ruas interiores, passando pela Catedral de São Nicolau e pela estação de trem, que causa orgulho aos habitantes pelo bom estado de conservação. Embora os deslocamentos por ferrovia estejam cada vez mais raros na Grécia, ainda há algumas ligações com o norte em Salônica e o sul em Atenas. As nuvens que passaram a tarde assutando começaram a se deslocar para longe do centro, em direção não ameaçadora. Voltei ao quarto perto das 18:00 h para verificar quEstação ferroviária - Volose a rede wifi, que deu sinais de debilidade quando fiz o teste inicial, estava completamente inoperante. Após o banho desci para reclamar e o máximo que o recepcionista pode fazer foi religar o roteador. A conexão da entrada parecia ser muito boa, mas no quarto ela nem dá sinal de vida. A providência do funcionário foi inútil e a solução foi preparar todos os arquivos e descer para transmitir. O resultado foi excelente, apesar de alguns engasgos, e em menos de dez minutos estava tudo transferido. Por que não pode ser assim no quarto?