03/ago/17Calendário 05/ago/17


Costa Amalfitana - 04/ago/17 (131 fotos)Mais fotos:ÁlbumSlide show

Costa Amalfitana - SalernoCom a ansiedade por não perder o horário acordei diversas vezes durante a madrugada e levantei definitivamente às 5:30 h. O passeio do dia já estava reservado desde São Paulo e começaria na cidade de Salerno a 40 minutos de trem de Nápoles. Para chegar lá poderia pegar a conexão das 7:13 h, porém achei mais seguro usar a anterior, das 6:22 h. Queria estar no porto antes das 8:00 h para trocar a reserva pelas passagens de barco para a Costa Amalfitana e decidi que aparecer no escritório da companhia de navegação mais cedo seria iAmalfi - Costa Amalfitana - Salerno-Positanonteligente. Depois de sair do quarto às 6:00 h e percorrer os cinco minutos até a estação comecei a ter dúvidas. Os painéis falavam em ônibus substitutivo por causa de trabalhos na linha. Como tinha algum tempo antes de decidir fui até a bilheteria humana para ver se encontrava alguma informação confiável. A vendedora assegurou que o trem me deixaria no destino almejado. A partida anunciada mudou para as 6:50 h e eu continuava inseguro. Voltei ao balcão e inquiri outro funcionário, que me deu a mesma resposta. Aparentemente o ônPositano - Costa Amalfitana - Salerno-Positanoibus auxiliar valia para as paradas anteriores a minha. Entrei num vagão gelado e se fosse necessário escolher entre este e a sauna de ontem, não hesitaria em optar pelo quentinho. Quinze minutos antes da partida passou um bilheteiro pela minha poltrona e eu tornei a pedir confirmação. Com tanta gente me assegurando que estava no lugar certo acho que até poderia voltar a dormir, se não continuasse tão apreensivo. Um grande e barulhento grupo uniformizado de mochileiros ocupou quase todas as poltronas do vagão, inclusive as do mePositano - Costa Amalfitana - Salerno-Positanou conjunto de quatro. Mais de uma hora antes do embarque marítimo cheguei na estação central de Salerno. Uma rápida caminhada de cinco minutos me levou até o terminal das barcas onde também ficavam as bilheterias. Logo foi aberto o guichê e pude receber as três passagens. Com a primeira navegaria por 1:10 h até Positano, a parada mais distante no meu roteiro. Já havia visitado estas cidades balneárias em viagens anteriores mas sempre fui de ônibus, uma vez partindo de Sorrento e outra quando passei alguns dias hospedado em SalerCalçada no penhasco em Positano - Salerno-Positanono. Seria a primeira vez que percorreria o caminho todo de barco. Como fui um dos primeiros a chegar também fui dos admitidos a bordo mais cedo. Pude subir rapidamente para a área aberta e escolhi um assento do lado que permitiria apreciar o continente. A Costa Amalfitana tem a forma de uma península e conta com diversas cidades famosas. Sorrento e Salerno delimitam o trecho mais turístico, e eu pretendia visitar duas das cinco localidades mais conhecidas. A partida para Positano estava marcada para as 8:40 h e o barco saiu cheiPraia em Positano - Salerno-Positanoo. Pude admirar os belos penhascos entrando no mar e as várias cidadezinhas espalhadas pelas encostas numa navegação muito agradável. Quando desci no porto resolvi que não estava interessado em visitar o centro e apenas segui por uma calçada no penhasco para uma praia forrada de pedras que pude identificar enquanto o capitão se aproximava. Quando cheguei ainda havia pouca gente, ao contrário da central, que estava lotada. Passei três horas sob o fortíssimo sol que, por alguns momentos, considerei quase insuportável. Achei até quPositano - Costa Amalfitana - Salerno-Positanoe fosse começar a me sentir mal, porém alguns goles de água logo resolveram o problema. Se tive dificuldade em sair das praias de areia de Lisboa e Roma no final da tarde, com muito mais razão considerei um desperdício sair tão cedo da de Positano. A única coisa que me convençeu foi o horário de partida da embarcacão seguinte, que seguiria para Amalfi. Muito antes da fama turística essa cidade rivalizava com Pisa, Gênova e Veneza pela supremacia marítima e comercial da Itália, por volta da época em que Marco Polo empreendia suasBarca para Amalfi - Costa Amalfitana - Salerno-Positano aventuras pelo Oriente. A viagem foi mais curta, de somente 25 minutos e eu também sentei na coberta ensolarada. Ao chegar às 14:00 h já estava decidido a não entrar no centro conhecido de outras oportunidades e apenas caminhei para um lado e para o outro pelo calçadão e por um longo quebra-mar. A praia, aos moldes da anterior, já estava cheia demais e eu acabei me contentando em passar o tempo sobre uns rochedos do embarcadouro com vista para a faixa de areia do centro. O terceiro trecho também estava lotado porém, mais uma veAmalfi - Costa Amalfitana - Salerno-Positanoz, eu fui ligeiro e peguei uma cadeira na ponta que seria das janelas, se a nave tivesse essas aberturas no andar selecionado. O detalhe foi que dessa vez fiquei do lado do mar aberto. Como já havia apreciado a costa por bastante tempo não me importei muito. Depois de 55 minutos a lancha entrou no porto de Salerno e eu voltei para a estação para pegar outro trem regional partindo às 19:05 h. Acho que já reclamei da falta de bons supermercados nas proximidades dos hotéis italianos em que estive no passado. Em Nápoles é a mesma coPraia em Amalfi - Salerno-Positanoisa. Ontem entrei em um que me obrigou a colocar a mochila dentro que uma sacola enorme que foi travada pelo segurança e sob podia ser aberta pelos caixas. Uma volta breve mostrou que não havia nada do meu agrado e saí de mãos vazias tendo que me contentar com uma mercearia vagabunda que mal atendia a uma emergência. Hoje resolvi andar um pouco mais para visitar um de estilo tradicional encontrado pelo mapa eletrônico, apesar de ter chegado depois das 20:00 h. Já que ia entrar tarde no quarto, um pouco mais não ia atrapalhar.